11ª COPA GOLDEN MASTER DE FUTEBOL - 2015

11ª Copa Golden Máster de Futebol - 2015

 

 

Art. 1º - Organizada e dirigida pela Semel - Secretaria Municipal de Esportes e Lazer,  a 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol, conforme disposto neste Regulamento, Regras, Leis, Decretos, Deliberações, Código Brasileiro de Justiça Desportiva e Regulamento Geral das Competições da F.P.F., tem por finalidade o desenvolvimento desportivo, cultural e social dos atletas, dirigentes e torcedores das Agremiações participantes.

 

Art. 2º - Participarão da 11ª Copa Golden Máster de Futebol os clubes que se inscreveram legalmente no prazo estabelecido e que se submetem aos termos do presente Regulamento.

 

Art. 3º - A 11ª Copa Golden Máster de Futebol será realizada nas datas e locais definidos pela Semel, sendo que os clubes inscritos se obrigam a disputá-la até o seu final, de conformidade com a tabela de jogos previamente elaborada, não podendo abandonar ou desistir da competição.

 

Parágrafo Único - O clube que vier abandonar ou desistir da competição, depois de inscrita, será eliminado da mesma, suspenso por 2 (dois) anos, assim como seus Diretores, de toda e qualquer competição que vier a ser organizada ou dirigida pela Semel.

 

Da contagem de pontos e horários dos jogos

 

Art. 4º - A 11ª Copa Golden Máster de Futebol será regida pelo sistema de pontos ganhos de conformidade com o seguinte critério:

 

a) Por vitória - 3 (três) pontos ganhos.

b) Por empate - 1 (um) ponto ganho.

 

Art. 5º - Os jogos serão realizados aos sábados à tarde, obedecendo os seguintes horários, com tolerância de 20 (vinte) minutos para seu início: Primeiro Jogo - 13h40.  Segundo Jogo - 15h40.  Jogo Único - 14h40.

 

Parágrafo Único:- Os locais e horários dos jogos da última rodada da Terceira e da Quarta Fases, poderão ser alterados, a critério da Coordenação da competição.

 

Art.6º - O clube que deixar de comparecer no horário determinado para início da partida, será considerado perdedor por WO e automaticamente eliminado da competição.

 

Art.7º - O clube que ultrapassar o horário determinado para início da partida, ficará impossibilitado de realizar o jogo, sendo considerado perdedor por WO, com o placar de 3 a 0, a favor da clube adversário presente, devendo ainda apresentar os atletas ao Representante da partida, para que sejam  relacionados na Súmula do Jogo, evitando assim que a Agremiação seja ELIMINADA da competição. Na reincidência a Agremiação infratora será ELIMINADA da competição.

 

Art. 8º - Nenhuma partida poderá ser iniciada sem que seja observado o mínimo de atletas permitido por  Lei,  que  é  de  7 (sete) em cada equipe, com obrigatoriedade do uso de “caneleiras “, podendo cada equipe proceder até 9 (nove) substituições por jogo, não importando a posição do atleta substituído nem tão pouco o tempo de jogo decorrido.

 

Art. 9º - A Agremiação que comparecer com menos de 7 (sete) atletas (número insuficiente para inicio de uma partida), deve apresentar os mesmos ao Representante da partida, para que sejam relacionados na Súmula do Jogo, evitando assim que a Agremiação infratora seja ELIMINADA da competição. Na reincidência a Agremiação infratora será ELIMINADA da competição.

 

Art.10º - A Agremiação que for ELIMINADA da competição, será suspensa por 02 (dois) anos de torneios ou campeonatos organizados ou dirigidos pela Semel. Os jogos em que tomou parte a Agremiação ELIMINADA, terão seus resultados mantidos. Os jogos constantes da Tabela de Jogos da Fase em que a Agremiação foi eliminada, terão o placar do WO (3 a 0), a favor da adversária.        

 

Art. 11º - Nenhuma partida deixará de ser realizada por falta de Árbitro, Assistente ou Representante. É atribuição do Representante da partida providenciar na ausência do árbitro, seu substituto.

 

  § 1º - O não comparecimento do Representante caberá as Agremiações disputantes, através de seus representantes legais, designar seu substituto e, qualquer  impresso utilizado por ele terá validade.

 

  § 2º - A Agremiação que negar-se a disputar a partida por falta de Árbitro, Assistente ou Representante, será considerada perdedora por WO e, consequentemente a outra, sua adversária, será considerada a vencedora.

 

Da participação dos atletas 

 

Art.12º - Poderão participar da 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol os atletas devidamente inscritos e que possuam a “Carteira de Identidade” expedida pela SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES E LAZER (SEMEL). Para ser aceita a inscrição do atleta, o mesmo deverá ter nascido até o ano de 1.975, exceção feita aos goleiros, cujo nascimento poderá ser até 1.985, comprovado através da Cédula de Identidade (RG) original.

 

Art.13º - Cada Agremiação poderá inscrever para a 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol,  25 (vinte e cinco) Atletas (mas somente 20 (vinte) poderão participar por jogo) e 05 (cinco) membros para a  Comissão Técnica (mas somente 03 (três) poderão ficar no banco de reservas). Todo pedido de inscrição que ultrapassar o limite fixado, deve vir acompanhado da “Carteira de Identidade” e ofício solicitando o CANCELAMENTO do registro do Atleta ou membro da Comissão Técnica que será substituído.

                 

Art. 14º - As inscrições ou substituições de atletas ou membros da Comissão Técnica para a 11ªCopa “GOLDEN MASTER” de Futebol, devem ser solicitadas até a terça-feira de cada semana, no horário das 08h00 às 11h00 e das 14h00 às 17h00, com encerramento na terça-feira que anteceder a 1ª rodada da Quarta Fase - Quartas de Final da competição.

 

Art. 15º - Atleta inscrito por uma Agremiação somente poderá transferir-se para outra (mesmo que tenha participado da competição), caso seja liberado expressamente pelo Presidente da Agremiação a qual                está vinculado, até a terça feira que anteceder a 1ª rodada da Quarta Fase - Quartas de Final.

 

Parágrafo Único:- Para os membros da Comissão Técnica, basta o pedido de CANCELAMENTO da inscrição, para sua liberação ser válida, devendo ser solicitado até a terça feira que anteceder a rodada, porém, ficam impedidos de fazer parte do banco de reservas quando sua atual                        Agremiação jogar contra a Agremiação que o liberou.

 

 Art.16º - Por ser uma competição direcionada aos atletas masters de Bauru, conforme norma estabelecida a partir da 6ª Copa “Golden Master” de Futebol (2010), cada Agremiação pode inscrever até 03 (três) atletas não residentes em Bauru. Os atletas inscritos anteriormente, continuam com condições de participar da competição, independente da Agremiação que solicitar sua inscrição para a 11ª Copa “Golden Master de Futebol.

             

§ 1º - A Agremiação que infringir a presente norma, será penalizada com a perda de 03 (três) pontos, revertidos à favor da Agremiação adversária, caso tenha vencido o jogo, com ELIMINAÇÃO DO ATLETA IRREGULAR, que será SUSPENSO POR 02 (DOIS) ANOS da competição.

 

§ 2º - Para que a Agremiação infratora seja punida com a perda de 03 (três) pontos pela irregularidade cometida, a denúncia deverá ser feita  através de recurso, devidamente fundamentado e com provas concretas, devendo ser protocolado no Departamento de Futebol da Secretaria Municipal de Esportes e lazer Semel), até às 17h da terça feira posterior a realização do jogo.

 

Das obrigações dos clubes

 

Art. 17º - As Agremiações estão obrigadas a apresentarem ao Representante da partida, até o horário determinado para o início do jogo, todas as “Carteiras de Identidade” dos Atletas, em ordem numérica de 01 (um) à 11 (onze) para os atletas que iniciarão a partida e de 12 (doze) à 20 (vinte) para os atletas que formarão o banco de reservas, bem como as 03 (três) “Carteiras de Identidade ”  dos membros da Comissão Técnica  e Médico (se houver), para preenchimento da súmula do jogo.

 

Parágrafo Único - O Atleta ou membro da Comissão Técnica que não estiver presente até o início da partida, poderá completar a equipe ou compor o banco de reservas, depois de iniciado o jogo, desde que a “Carteira de Identidade” seja entregue ao Representante da partida, para constar da Súmula do jogo.  

 

Art. 18º - Durante a partida poderão permanecer no banco de reservas, devendo ficar “sentados”, exceção feita ao Técnico, que tem seu espaço de atuação demarcado: 09 (nove) Atletas, 01 (um) Técnico,01 (um)  Diretor, 01 (um) Massagista e 01 (um) Médico (se houver), devidamente credenciados junto ao Representante da partida, através da “Carteira de Identidade”. No caso do Médico, somente com credenciamento do C.R.M..

 

Parágrafo Único - Com exceção dos atletas que deverão estar devidamente uniformizados e credenciados junto ao Representante da partida, os demais componentes do banco de reservas deverão usar calças compridas, agasalhos ou bermudas, camisas ou  camisetas, tênis, sapatos ou sandálias fechadas.

 

Art. 19º - Atleta expulso ou substituído,deverá dirigir-se imediatamente aos vestiários, independentemente de comunicação para tanto. Aplicam-se as mesmas sanções aos demais componentes do banco de reservas, no caso de expulsão.

 

Art. 20º - Cada Agremiação deverá apresentar, antes do início do jogo, ao Representante da partida, 02 (duas) bolas da marca ULTRA, em condições de jogo, condição esta que será de competência do árbitro da partida.

 

§ 1º - O Árbitro da partida deverá utilizar durante o jogo, as 02 (duas) bolas da Agremiação mandante, só utilizando as bolas da Agremiação adversária, na ausência das 02 (duas) bolas da Agremiação mandante.

 

§ 2º - A Agremiação que não apresentar as 02 (duas) bolas em condições de jogo, será multada em R$ 100,00 por bola ausente, multa esta que deverá ser paga até a quarta-feira que anteceder o jogo seguinte. No caso duas Agremiações não apresentarem bolas para realização do jogo,ambas serão consideradas perdedoras, devendo ainda, cada uma, pagar a multa de R$ 200,00 (duzentos reais), para continuar participando da     competição.

 

Art. 21º - A Agremiação que estiver a esquerda da tabela de jogos, será considerada mandante, com obrigação de se apresentar com o UNIFORME Nº1 registrado na Semel, cabendo a Agremiação adversária, a troca de                uniforme ou colocar coletes numerados, no caso de incidência de cores, a critério do Árbitro da partida.

 

Parágrafo Único - No caso da não realização da partida por infração do Artigo, a Agremiação infratora será considerada perdedora por WO, com o placar de 3 a 0 a favor de  sua adversária.  

 

Das infrações e suas penalidades

 

Art. 22º - Os atletas punidos durante a partida com o “Cartão Vermelho”, serão EXPULSOS de campo e cumprirão automaticamente suspensão de 01 (um) jogo. Os componentes do banco de reservas: Técnico, Diretor , Massagista, Médico e Atletas reservas, no caso de expulsão, também cumprirão suspensão automática de 01 (um) jogo. Na reincidência a suspensão será sempre por 02 (dois) jogos.

 

      §1º - Atitudes e procedimentos de má conduta (agressão física ou verbal) verificados após a expulsão ou substituição, devem constar do relatório do Árbitro e/ou  do Representante da partida, para aplicação de punição maior ao infrator, a critério do Coordenador da competição.

 

     §2º - O Cartão Amarelo continuará tendo sua aplicação durante a partida, como advertência, não tendo efeito punitivo para os jogos seguintes.

 

Art. 23º - Atleta, Técnico, Dirigente ou qualquer outro componente do banco de reservas, bem como Atleta que esteja jogando, caso venha a agredir fisicamente o Árbitro, Assistente, Representante da partida, Dirigente, Técnico, Diretor, Massagista ou Atleta da Agremiação adversária, SERÁ ELIMINADO E SUSPENSO POR 01 (UM)  ANO DA COMPETIÇÃO,  desde que a ocorrência conste do relatório do Árbitro e/ou do Representante da partida.

 

Parágrafo Único:- A eliminação, bem como a suspensão de 01 (Um) Ano, impede o infrator de continuar participando ou de se inscrever em campeonatos ou torneios organizados e/ou dirigidos pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel), pelo tempo que perdurar a punição.

 

Art. 24º - No caso de invasão de campo por parte de torcedores, tumulto grave, antes, durante ou após a partida, com agressão física ao Árbitro, Assistente, Representante da partida, Atleta, Técnico, Diretor, Massagista ou Dirigente da Agremiação adversária, a Agremiação que comprovadamente pertencerem os responsáveis pela ocorrência, será ELIMINADA DA COMPETIÇÃO, devendo ainda ressarcir financeiramente as despesas comprovadas de ordem médica, hospitalar, farmacêutica, material e jurídica, dentro do prazo de 05 (cinco) dias, após o recebimento da notificação feita pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel).

 

Art. 25º - A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel), poderá a qualquer momento, SUSPENDER e até ELIMINAR da competição, a Agremiação cuja Diretoria não seja capaz de reprimir a violência tentada ou consumada, nos estádios, por parte de: Atleta, Técnico, Diretor, Massagista ou Torcedores de sua equipe, contra: Árbitro, Assistente, Representante da partida, membros dos Poderes da SEMEL, Atleta, Técnico,  Diretor, Massagista ou Torcedores da Agremiação adversária.

 

Forma de disputa

 

Art. 26º- A 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol será disputada pelas Agremiações inscritas, da seguinte forma:

 

          1) Primeira Fase - Classificatória

          2) Segunda Fase - Classificatória

          3) Terceira Fase - Classificatória

          4) Quarta Fase - Quartas de Final

          5) Semifinal

          6) Final

 

Art. 27º - Na Primeira Fase as 16 (dezesseis) equipes jogarão entre si, em turno único, classificando para a Segunda Fase, de conformidade com a classificação geral, as Impares no Grupo “A” e as Pares no Grupo “B”.

 

Art. 28º - Na Segunda Fase as 16 (dezesseis) equipes continuarão a disputa somando os pontos da Primeira Fase, distribuídas em 02 (dois)  grupos: Grupo “A”– 1ª, 3ª, 5ª, 7ª, 9ª, 11ª, 13ª e 15ª Colocadas. . Grupo “B” - 2ª, 4ª, 6ª, 8ª, 10ª, 12ª, 14ª e 16ª Colocadas. As equipes do Grupo “A” enfrentarão as equipes do Grupo “B” em turno único. Tendo por base a classificação final, somados os pontos da Primeira e Segunda Fases, as 16 (dezesseis) equipes serão redistribuídas em 04 (quatro) grupos “C”,”D”,”E” e “F”, com 04 (quatro) equipes cada, para participação na Terceira Fase. 

 

Art. 29º - Na Terceira Fase as 16 (dezesseis) equipes serão redistribuídas em 04 (quatro) grupos:- Grupo “C”- 1ª, 8ª, 9ª e 16ª Colocadas. Grupo “D”- 2ª, 7ª, 10ª e 15ª Colocadas. Grupo “E”- 3ª, 6ª, 11ª e 14ª Colocadas. Grupo “F”- 4ª, 5ª, 12ª e 13ª Colocadas, que iniciarão a disputa com zero ponto ganho.  O Grupo “C” enfrentará o Grupo “E” e o Grupo “D” enfrentará o Grupo “F”, em turno único, classificando as 02 (duas) primeiras colocadas na soma dos pontos dos Grupos “C” e “E” e as 02 (duas) primeiras colocadas na soma dos pontos dos Grupos “D” e “F”, para a Quarta Fase – Quartas de Final.   

 

                       GRUPO C x GRUPO E e GRUPO D x GRUPO F 

 

Art. 30º - Na Quarta Fase – Quartas de Final, as 08 (oito) equipes classificadas, sendo 04 (quatro) da Terceira Fase e mais   04 (quatro) por  Índice Técnico, somados os pontos da Primeira, Segunda e Terceira Fases, formarão dois grupos: Grupo “G” - 1ª, 3ª, 5ª e 7ª Colocadas e Grupo “H” – 2ª, 4ª, 6ª e 8ª Colocadas, com as equipes jogando entre sí, dentro do grupo, em turno único, classificando as duas primeiras colocadas de cada grupo, para a Fase Semifinal da competição. 

 

                               GRUPO G GRUPO H

 

Art., 31º - No caso de empate por pontos ganhos ao final da Primeira, Segunda, Terceira e Quarta Fases, será obedecido o seguinte critério para o desempate:

 

a) Maior número de vitórias;

b) Maior saldo de gols;

c) Maior número de gols marcados;

d) Menor número de gols sofridos;

e) Confronto direto (no caso de duas equipes).

 

Art. 32º - Na Fase Semifinal a 1ª Colocada do Grupo “G” enfrentará a 2ª Colocada do Grupo “H” e a 1ª Colocada do Grupo “H” enfrentará a 2ª Colocada do Grupo “G”, em dois jogos, com inversão de mando, com as vencedoras classificando-se para a Fase Final da competição. 

        

Art. 33º - Na Fase Final a Vencedora do Jogo “1” enfrentará a Vencedora do Jogo “2”, em dois jogos, com inversão de mando, para apontar a Campeã e a Vice-Campeã da 11ª Copa “Golden Master”de Futebol.

 

Art. 34º - No caso de empate por pontos ganhos ao final dos dois jogos da Fase Semifinal e Final,as vencedoras serão conhecidas através da cobrança de cinco tiros livres da marca de pênalti, por equipe, alternadamente e por atletas diferentes. Permanecendo o empate, serão cobrados tiros livres da marca de pênalti, um por equipe, alternadamente e por atletas diferentes, tantos quantos forem necessários, até que se conheça a vencedora.                                                                   

                                                                        

Art. 35º - Ao final da Terceira Fase de classificação, as 02 (duas) últimas colocadas na soma de pontos ganhos, independente do grupo, darão lugar a duas equipes que solicitarem inscrição para a 12ª Copa “Golden Master” de Futebol, pedido este que deve ser feito através de ofício, protocolado na Recepção da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel), a partir do dia 01 de Setembro de 2015, no horário das 08h00 às 11h00 e das             14h00 às 17h00. No caso de empate por pontos ganhos, o desempate será definido através do Artigo 31º do presente Regulamento.

 

Art. 36º - As 14 (catorze) Agremiações que continuarão na competição, devem solicitar inscrição para a 12ª Copa “Golden Master” de Futebol, dentro do prazo de 15 (quinze) dias, a partir do primeiro dia útil após o encerramento da 11ª Copa “Golden Master” de Futebol, através do Termo de Responsabilidade e Pedido de Inscrição. A solicitação deve ser entregue no Departamento de Futebol da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel), no horário das 08h00 às 11h00 e das 14h00 às 17h00, para garantir a vaga.

 

Das atribuições da Semel

 

Art. 37º - A 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol, será organizada e dirigida pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel) a quem compete:

 

a) Elaborar o REGULAMENTO e a TABELA DE JOGOS da competição;

b) Adotar todas as providências de ordem técnica necessárias a sua realização;

c) Designar e alterar dia, hora e local dos jogos;

d) Aprovar ou não as partidas realizadas, após tomar conhecimento das súmulas e dos relatórios dos Árbitros e Representantes.

 

Art. 38º - Os jogos realizados serão aprovados pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel), 48 (quarenta e oito) horas após sua realização, desde que não haja pedido de impugnação do mesmo, pedido este que deverá ser entregue ao Coordenador da 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol, até 48 (quarenta e oito) horas após sua realização.

 

Art. 39º - Será conferida a seguinte premiação aos participantes da 11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol:

 

1 - Campeão - Troféu  e 30 (trinta) medalhas;

2 - Vice-Campeão - Troféu  e 30 (trinta) medalhas;

3 - Troféu ao goleiro menos vazado;

4 - Troféu ao artilheiro.

 

Das disposições finais

 

Art.40º - Para evitar possíveis acidentes, fica proibido soltar fogos de artifício (rojões e bombas) dentro dos estádios, antes, durante e após os jogos da 11ª Copa “Golden Master” de Futebol, ficando com as             Agremiações a responsabilidade em fiscalizar seus torcedores, fazendo cumprir o presente Artigo.

 

Parágrafo Único:- Caso a partida venha ser suspensa por infração do presente Artigo, a Agremiação infratora será considerada perdedora, com aplicação do WO à favor da Agremiação adversária. Na reincidência a Agremiação infratora além de ser considerada perdedora, será suspensa                                por 01 (um) jogo. Na terceira infração cometida, a Agremiação será ELIMINADA da competição e SUSPENSA POR 01 (UM) ANO.

                                                                                          

Art. 41º - A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semel) não se responsabiliza por acidentes ocorridos com atletas e dirigentes, antes, durante e depois de qualquer jogo da 11ª Copa “Golden Master” de Futebol.

 

Art. 42º - O presente REGULAMENTO entra em vigência nesta data, após sua leitura e entrega de uma cópia, juntamente com cópia da TABELA DE JOGOS, para as Agremiações inscritas, as quais obrigam-se a cumprir fielmente, cabendo ao Coordenador da  11ª Copa “GOLDEN MASTER” de Futebol, resolver os casos omissos e interpretar, sempre que necessário, o disposto neste REGULAMENTO.

 

Bauru, 05 de Novembro de 2014.

 

 

UBIRATAN ALVES DA SILVA                ROGER BARUDE CAMARGO

    Coordenador                                 Secretário de Esportes

 

 

 

Redação Futebol Bauru/Fonte: Semel

www.futebolbauru.com.br

20/12/2014

 

ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI