Copa Semel
Prefeito acata decisão do Ministério Público e suspende rodada
12/09/2017

Comercial e 100% Gasparini times com elencos qualificados faziam jogo equilibrado no Jardim Bela Vista. (Futebol Bauru 10/09/2017)


Atendendo determinação do MP - Ministério Público, o prefeito de Bauru, Clodoaldo Gazzetta (PSD) comunicou o secretário de Esportes, Luís Francisco Faustini, o Garrincha, a suspensão da 2ª rodada da 3ª fase da 7ª Copa Semel de futebol, programada neste domingo de manhã.

 

Os jogos da 13ª Copa Golden Master de futebol, sábado à tarde e os da Copa Big Boys, também organizados pela Semel - Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, seguem mantidos, apurou o Futebol Bauru.

 

Além da suspensão da rodada da Copa Semel, também está cancelada reunião, nesta quarta-feira, às 19 horas, na sala 16 da ITE - Instituição Toledo de Ensino entre a Coordenadoria de Futebol da Semel e os representantes dos 20 clubes. Garrincha inclusive participaria do encontro.

 

Reunião geral

A Corregedoria Municipal deverá promover, na próxima semana, encontro entre o secretário de Esportes, representantes dos clubes, Ministério Público, oficiais da PM - Policia Militar e de outros segmentos representativos para tratar da continuidade do campeonato.

 

A suspensão da rodada, neste domingo, fundamenta-se nos fatos lamentáveis ocorridos domingo passado no Estádio “Horácio Alves Cunha”, no Jardim Bela Vista, durante o jogo Comercial, atual campeão e único invicto e 100% Gasparini.

 

Tiros e pancadaria

No estádio, com grande público, o árbitro Ubiratan Fernando Pereira da Costa, suspendeu o jogo Comercial 1 x 1 100% Gasparini aos 18´/2º por falta de segurança.

 

Após o gol de empate do Gasparini, marcado por Gersinho, confusão se formou na arquibancada com briga generalizada. Gersinho, depois, teria sido expulso pelo árbitro Ubiratan Costa.

 

Pessoa, não identificada, portando revólver disparou a arma, provocando enorme confusão, com mulheres, crianças e torcedores correndo desesperadamente em direção ao portão de saída do estádio. A confusão não adentrou ao campo de jogo.

 

Ameaças e agressão

No Estádio Mirante Ferroviário, do Triagem, no Jardim Guadalajara, o jogo Beija-Flor 0 x 1 Geisel, suspenso aos 43´/1º, por falta de segurança, foi iniciado com atraso de 28 minutos pelo árbitro André Aparecido Rodrigues.

 

Segundo o árbitro ao site, diante de testemunhas, afirmou que antes de o jogo começar as 8h30, “fui ameaçado e chamado de venal pelo Butti, diretor do Geisel”.

 

Com a presença do presidente da AABR - Associação de Árbitros de Bauru e Região, Carlos Augusto Martins Francisco, o Carlão, o jogo foi iniciado.

 

Aos 25 minutos, Tiziu, do Beija-Flor e Gustavo, do Geisel, foram expulsos. Aos 42 minutos Hudson, de falta, marcou o gol do Geisel.

 

Antes mesmo de o jogo ser reiniciado, com a saída de bola, Nescau, ex-jogador e atual técnico do Beija-Flor, invadiu o campo e agrediu violentamente, com dois socos, o ala-esquerda Dê, do Geisel.

 

Clique aqui e saiba os Resultados da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba a Tabela de Jogos da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba a Classificação da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba os Artilheiros da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba o Sistema de disputa da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba mais Notícias da Copa Semel

 

Erlinton Goulart, Futebol Bauru

www.futebolbauru.com.br

12/09/2017 - 10h30


Voltar