Copa Semel
Geisel eliminado e suspenso por dois anos por agressão de torcedores
25/10/2017

Grupo de torcedores do Geisel invadiu o campo, agrediu o assistente de arbitragem e danificou vestiário dos árbitros. (Divulgação)


Contra a violência de grupo de torcedores do Geisel FC, domingo passado, no campo do Triagem, a CF - Coordenadoria de Futebol da Semel - Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, organizadora da Copa Semel de futebol, em sua sétima edição, proferiu veredicto.

 

O comunicado foi encaminhado à Imprensa quarta-feira à noite.

 

Com base em relatos em súmula do árbitro do jogo Gileno Cristiano Araújo da Silva e do representante Rogério Pereira, documentos, depoimentos e imagens da selvageria praticada por grupo de torcedores do Geisel, agredindo o assistente de arbitragem Rodolfo Rufatto e destruindo parcialmente o vestiário da arbitragem, depois do jogo Geisel 0 x 1 Beija-Flor, pela 3ª rodada das 4ªs de final, a CF da Semel puniu o clube.

 

O Geisel está eliminado da 7ª Copa Semel e suspenso de todas as competições organizadas pela Semel pelos próximos dois anos. Mas o Geisel também não tem a garantia de voltar à Copa Semel em 2020.

 

Fila de espera

Se desejar retornar terá de entrar na fila de inscrição que contempla os dois primeiros inscritos.

 

Em 2018, Ajax FC e União Octávio Rasi FC, substituirão Unidos Ouro Verde e Boca Juniors Bauruense, respectivamente, penúltimo e último colocados na fase de classificação em 2017.

 

Ajax e União foram os primeiros a protocolar inscrição na Semel, em 1º de setembro passado, em lista com mais oito clubes que estão na fila de espera. O Geisel terá de entrar nessa fila daqui a dois anos.

 

Três vices

Com a eliminação do Geisel, o seu adversário na 4ª e última rodada das 4ªs de final, o Grêmio Recreativo Nova Bauru é declarado pelo Regulamento, vencedor pelo placar de 3 a 0.

 

Fundado em 20 de fevereiro de 2007, de cisão entre diretores do Laranjeiras FC, do mesmo bairro, Núcleo Presidente Geisel, na região Sudeste de Bauru, o Geisel em exatos 10 anos disputou três finais.

 

Em 2008 perdeu o título para o Parquinho. No ano seguinte para o Laranjeiras/Beija-Flor, em campeonatos organizados pela desativada LRFB - Liga Regional de Futebol de Bauru.

 

Em 2014, na 4ª Copa Semel, o Geisel voltou a perder o título para o Parquinho.

 

“Não conseguimos conter”

Presidente do Geisel desde 2016, Fernando Julião, escreveu ao Futebol Bauru.

 

“A torcida do Geisel é uma torcida apaixonada e infelizmente não conseguimos conter aqueles torcedores que invadiram, mas isso é reflexo do jogo contra o Parquinho onde tivemos três pênaltis claríssimos e não marcado (sic...) e contra o Laranjeiras tivemos dois gols anulados”.

 

Ainda segundo Julião, “Estamos a disposição do que o trio de arbitragem precisar e pedimos desculpas em nome do Geisel FC, pois os diretores ainda tentaram segurar enquanto eu (sic...) estava atrás de patrocínios e fazendo rifas para conseguir pagar o time”.

 

Treinador, indignado, deixa o Geisel...

 

Geisel reincidente disciplinar desde 2008

 

Clique aqui e saiba os Resultados da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba a Tabela de Jogos da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba a Classificação da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba os Artilheiros da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba o Sistema de disputa da Copa Semel

 

Clique aqui e saiba mais Notícias da Copa Semel

 

Erlinton Goulart, Futebol Bauru

www.futebolbauru.com.br

26/10/2017

Voltar

ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI