Mais Esportes
COI suspende provisoriamente COB
06/10/2017


O COI - Comitê Olímpico Internacional anunciou suspensão provisoriamente do COB - Comitê Olímpico do Brasil, após a prisão de seu presidente Carlos Arthur Nuzman, suspeito de intermediar compra de votos para assegurar a sede dos Jogos Olímpicos de 2016 para o Rio de Janeiro.

 

O COI também suspendeu Nuzman de todas as suas funções e direitos de membro honorário, e o excluiu da comissão de coordenação dos Jogos de Tóquio-2020, no Japão. O Comitê detalhou que a punição não irá afetar atletas brasileiros.

 

Agentes da Polícia Federal e do Ministério Público Federal prenderam Nuzman e Leonardo Gryner, ex-diretor de operações do Comitê Rio 2016 e braço-direito de Nuzman.

 

Nuzman é suspeito de intermediar a compra de votos de integrantes do COI para a eleição do Rio como sede da Olimpíada de 2016.

 

Nuzman foi preso em casa, no Leblon, no Rio de Janeiro. Nuzman é presidente do COB há 22 anos.

 

Redação Futebol Bauru

www.futebolbauru.com.br

06/10/2017


Voltar
adilsonbuffet.